Kirby’s Adventure – Fofo Mas Incrível! [KubGames]

kirbys-adventureA Nintendo tem várias franquias diferentes. Umas muito conhecidas outras nem tanto. Kirby eu diria que está no intermediário, por não ser extremamente famoso e também por não ficar no fundo do poço. Muita gente acha que essa bola rosa fofinha é um verdadeiro inútil. Mas não é bem assim. Eu confesso que quando eu descobri o primeiro jogo do Kirby para NES foi meio do nada. Eu tava querendo um jogo bom, então pesquisei “Melhores Jogos para o Nintendinho”, aí do nada eu acho ele, gordo comilão com o nome: Kirby’s Adventure. Sem um nome criativo mas com uma capa genial, decidi testar e cara… que jogo bom. E não é a toa que é o personagem favorito do Kub (Chefe do Blog) no Super Smash Bros.


Introdução

kirbys-adventure-tituloPode parecer exagero, mas esse jogo é realmente interessante. Tudo é tão alegre que é difícil você não rir de alguma coisa que está acontecendo. O pessoal diz que a Nintendo faz jogos muito infantis e eu digo o mesmo, mas no bom sentido. O objetivo deles é fazer algo divertido, bem feito, cativante. Infantil é um termo muito generalizado. Kirby’s Adventure não é o primeiro jogo do gordinho cor-de-rosa (o primeiro lançado um ano antes desse para GameBoy) mas é o primeiro colorido, e já que são as cores que fazem  muita diferença, esse recebeu mais fama. Eu comecei jogando o remake feito para Gameboy Advance (Kirby Nightmare In Dream Land) sem saber que era um remake. Quando descobri o original, eu o subestimei, mas depois me impressionei. Óbvio, não é mesma coisa que o remake, mas é muito  parecido. Eles não adicionaram coisas novas, só aprimoram as ideias criativas que já tinham.

História

star-rodSim, eu também fiquei surpreso quando descobri que esse bonitinho jogo tem uma história. É boba, mas não deixa de ser uma história. Kirby comeu muita comida (como sempre) e tirou uma soneca de 30 horas  meio demorada. Quando acordou percebeu que não teve sonhos. Acho estranho e foi descobrir o por que. Ele viu que a Dream Land ou Terra dos Sonhos está com um terrível problemão. A Star Rod da Fonte dos Sonhos foi roubada pelo King Dedede e agora todos de Dream Land não podem sonhar, e ainda estão tendo pesadelos! King Dedede separou a Star Rod em sete partes, dando seis para os seus amigos (os bosses de cada mundo) e ficando com uma pra ele.  Então nosso incrível herói Kirby tem que salvar a Dream Land com seus poderes de engolir pessoas!

Jogabilidade e Mecânica

O jogo é de plataforma e por isso é mais simples. Você controla o personagem igual a Mario Bros, mas você pode voar (o quekirby-jogabilidade é bem legal) e engolir seus inimigos e copiar suas habilidades HAHAHAHA! Sério, eu acho que esse é o grande diferencial da jogabilidade de Kirby. Esse sistema de absorver as habilidades é como no MegaMan, mas com os monstros normais também! Claro, não são todos, mas a maioria (acho que são mais de 20 habilidades diferentes). Para saber o nome de cada uma e mais ou menos o que ela faz é só olhar um painelzinho que tem no canto da tela.

Tem tanta coisa que algumas o Kirby até vira uns negócios diferentes. Lembrando que essa mesma coisa funciona para bosses, MAS aí entra um ponto ruim. Você luta com muitos sub bosses que dependendo da habilidade que você está fica muito, mas muito fácil. Além do mais não tem como você jogar fora uma habilidade sem tomar dano, o que prejudica quando você quer pegar a habilidade do boss só que já matou ele (com os bosses você precisa tirar o HP dele pra copiar a habilidade).

Em geral essa mecânica é muito legal, e diversifica bem o jogo, o deixando com uma cara bem única (além das cores e músicas).

Gráficos

kirby-graficosOs gráficos são muito bons, o caracterizando bem pelas cores vibrantes e sprites bem animados. O fato dele ter saído meio tarde pra NES (1993)  pode ter ajudado, mas não deixa de ser bons gráficos. Eles estilizam bem cada fase, e aí já entra outro ponto que eu não comento muito, mas o Level Design é ótimo, sem complicar demais as fases e também sem tirar o seu desafio. É tudo muito alegre, parecendo realmente um sonho (ou desenho animado, sei lá). Ele não demora pra mostrar que tem potencial, tendo uma abertura super divertida no início (mostrando como fazer o Kirby) e a tela de título muito colorida. Os cenários também não deixam a desejar e tem o estilo de umas fases do Mario.

Música

A música também é muito boa. Claro, ela não é aquela coisa marcante, mas combina muito com o ambiente alegre e feliz que o jogo tenta passar. Como eu normalmente faço, vou deixar uma amostra da música aqui:

Personagens

kirby-charactersKirby: O herói de Dream Land, pode ser descrito como uma “bolinha cor-de-rosa de olhos grandões”. É muito comilão e tem o poder de copiar a habilidade de seus inimigos para fazer o bem. O mais curioso é que ele não sofre nenhuma alteração desde sua criação (também quem precisa  mudar um personagem desses?)

King DeDeDe: É um pinguim gordo que veste uma roupa de frio e usa um martelo. Ele é o inimigo de Kirby, sendo que ele roubou a Star Rod. Mas… será mesmo que ele é o vilão?

 

 

Pontos Positivos

  • Ótimos gráficos, alegres e bonitos
  • Música combinante com o ambiente
  • Mecânica interessante
  • Criatividade excepcional

Pontos Negativos

  • Pouca dificuldade

Spoilers

nightmare

Imagem do Remake para GameBoy Advance

Sim, acredite se quiser, esse jogo tem spoilers. São poucos mais não posso desmerecê-los. Quando você chega no final, você batalha com King DeDeDe. Ao vencê-lo, ele não quer de jeito algum que você coloque a Star Rod na Fonte dos Sonhos. Ao fazer isso o Nightmare (uma bola negra) sai dela e começa a voar pelo espaço. Você descobre que na verdade o Nightmare tinha entrado na Fonte dos Sonhos e era ele que estava fazendo os pesadelos acontecerem. Para proteger seu povo, King DeDeDe separou a Star Rod em sete partes. Para acabar de vez com isso, King DeDeDe engole Kirby junto a Star Rod e os cospe muito forte, para que Kirby derrote o Nightmare. Então uma luta tensa e surpreendentemente emocionante começa. Nightmare muda de forma e se revela como um vampiro ou um mago (a criatura mais feia nesse jogo :p). Ao derrotá-lo, um texto começa contando a história certinha enquanto Kirby e King DeDeDe voltam em paz para Dream Land.


 

Conclusão

O jogo é realmente muito bom, com gráficos alegres, jogabilidade ótima e muito inovador. Para um jogo de NES isso é incrível, pois não é comum. Você vai se divertir muito jogando, tanto que dizem que passa o nível de diversão de Super Mario Bros. Com uma história boba ele consegue te cativar por muito tempo e tem muita coisa pra explorar, já que pra você conseguir 100% do jogo precisa ganhar todos os minigames, achar salas secretas e etc., já que mesmo após zerar você fica com um progresso de mais ou menos 70 %. Com certeza um jogo que não deve ser desprezado.

nota-90Jogo: Kirby’s Adventure

Gênero:Plataforma

Plataforma: Nintendo Entertainment System, GameBoy Advance, Wii e Nintendo 3Ds

Desenvolvedora: Nintendo e Hal Laboratory

 

~~~~Post originalmente lançado em KubGames, por LuiKpédia, no dia 14 de Novembro de 2016~~~~